universidades_lusa

Três universidades portuguesas entre as melhores do mundo

O “ranking” é do “Financial Times” e dele constam 50 estabelecimentos de ensino.

A Católica Lisbon School of Business and Economics e as faculdades de Economia da Universidade Nova de Lisboa e da Universidade do Porto estão entre as 50 melhores do mundo no “business school rankings” do jornal britânico “Financial Times”.

A escola de Economia da Universidade Católica de Lisboa é a instituição portuguesa com melhor classificação na edição de 2016. Ocupa o 41º lugar no “ranking” para os programas feitos à medida das empresas, numa subida de dez lugares face à listagem do ano passado.

No que diz respeito aos programas abertos, a Católica perdeu quatro lugares, descendo do 38º para o 42º lugar. Ainda assim, no cômputo geral, a Católica Lisbon ocupa o 38º posto e é a única escola portuguesa de negócios entre as 50 melhores do mundo.

Segue-se a Nova School of Business and Economics (Nova SBE), que melhorou a sua prestação nos programas feitos à medida, subindo do 69º para o 63º lugar. Ocupa também a 63ª posição nos programas abertos, mas piorou aqui a classificação face a 2015, ano em que tinha ficado colocada no 60º posto.

Por fim, a Porto Business School aparece em 70º lugar no “ranking” dos programas abertos. Subiu três patamares face ao ano passado e melhorou também a sua classificação no lista dos programas feitos à medida, onde se encontra no 64º lugar (estava em 70º em 2015).

O “ranking” do “Financial Times” incide sobre as formações para executivos e analisa escolas de todo o mundo. No geral, a espanhola Iese Business School está à frente na edição deste ano, estando em 1º lugar nos programas feitos à medida e em segundo nas formações abertas.

Seguem-se, na classificação geral, a IMD (Suíça) e a francesa HEC Paris.

Pode ver aqui o “ranking” completo do jornal britânico.

 

Sem comentários

Deixe uma resposta

*

*